Planejamentos

Da mamadeira ao alfinete: nove meses (ou mais) de planejamento (Imagem: © ImageZoo/Corbis)

Anteontem fiz um inventário de tudo que já ganhei e comprei para meu bebê. Fiquei feliz que o que menos tem são justamente as “coisas que se ganha no Chá de Bebê”. Algumas pessoas acham que fazer o Chá de Bebê é besteira porque com o que se gasta na festa, pode se comprar o que ganha. Mas ganhar presentes na verdade não é o objetivo e sim festejar a chegada do bebê, comemorar com os amigos queridos esse momento tão especial nas nossas vidas.

Quando descobri a gravidez, naquele misto de felicidade, medo, ansiedade e montes de outras emoções, comecei a pensar no bando de coisa que eram necessárias até o nascimento dela. Comecei a ir a lojas de bebê ver quartos, comprar revistas com decorações diversas. Continuo me perguntando: faço clássico? Provençal? Compro berço que vira cama e assim economizo pelos 5 anos que vêm pela frente? Pisciana já tem dificuldade em escolher coisas banais em meio a muitas opções (cardápio, loja de roupa, restaurantes, destino de viagem…), imagina algo importante assim?

Comecei a ver os móveis logo no 2º mês e ouvia com alívio: você tem até o 6º para encomendar já que o quarto deve estar pronto no 7º mês, caso haja o risco de o bebê nascer prematuro (móveis tendem a demorar no mínimo 40 dias para entrega). Agora me vejo entrando no 5º mês e cadê que decidimos como queremos? Hahaha

E se ainda fosse só isso… Tem o quarto dela até o 6º mês, tem a lista e a organização do Chá de Bebê até o 8º, tem a escolha da maternidade e as visitas às três melhores opções, tem as coisas que temos que ter prontas para a maternidade e, no meu caso, tenho que ver até a troca do meu carro (que é esporte, duas portas e não cabe carrinho no porta-malas). Isso tudo custa, isso tudo tem prazo e nisso tudo há opções. Aff, é desespero total para a pisciana que vos fala.

Como ter bebê sempre foi um sonho de vida, consegui fazer uma poupança para isso e diminuir meu ritmo de trabalho para cuidar da gravidez. Sei que não é a realidade de muitas das pessoas. Maioria das mulheres não podem se dar ao luxo de diminuir trabalho (algumas até trabalham mais para poder juntar dinheiro pra tudo que é necessário na gestação e depois dela), muito menos conseguem dar conta de tanto planejamento nesses 9 meses (ou 8 meses e 1 século, como já ouvi descreverem). E as que tem que contar com o sistema público de saúde? (óbvio que história terríveis já me foram relatadas porque, né? Cadê bom senso da galera contando desgraças no parto e etc para uma grávida?) Isso sem contar as que se descobriram grávidas solteiras, antes do planejado ou acabaram descobrindo não tão no início da gestação… Não é fácil para quase nenhum dos casos e, quando ouço alguém julgar no estilo “aaah, mas ela é rica”, “aaah, mas ela tem um bom convênio” etc, se referindo a outras mulheres, só me vem na cabeça aquela frase: “povo vê as pingas que ela toma mas não vê os tombos que ela leva”…

Cada um com seu cada qual, todas as decisões de uma gravidez, todas as situações, medos e ansiedades de uma gestante, são “pessoais e intransferíveis”. Assim como o bebê da gente…

Esse material foi produzido para publicação em Veja SP

Comente!

  • Que lindo *-* Chá de bebê é muito legal, pq reúne amigos e familiares para celebrar a vinda do bebê e pelas brincadeiras que tem. ?
    Bjos pra vc mamãe babona e na barrigóta ^^

  • Albene Liz Carvalho Monteiro Both

    Mariana
    Acabei de descobrir que estou grávida e estou ainda no 1º parágrafo. Me acostumando com a a idéia e sentindo uma mistura de sentimentos. Calculando datas, coinciliando as obrigações diárias e o planejamento do ano, com este novo evento, que, automaticamente, já se tornou o mais importante de todos.
    Abraços
    Liz

  • Lidiane Nogueira

    Olha, se nós de “fora” ficamos loucos e querendo comprar TUDO o que vemos pra Laurinhaa… imagina você!
    Parace que tem imã que puxa nossos olhos, pq cara, quando eu saio só vejo coisas de bebês, coisas pra Laurinha… minha mae fica doidaa!! haahhaahah

    Beeeeeijos grávida mais linda e amada!

  • Com certeza, o que vc falou tem toda razão, cada qual com seu qual, mais essas escolhas e preparativos são maravilhosa, são momentos lindos de serem vivdos, apesar de complicados para todas os mulheres, fiquem com Deus, e ótima semana,bjo

  • Dá um trabalhão mesmo arrumar tudo, mas é tão bom! Estou nessa expectativa, não engravidei, estou preparando o ninho e cada vez mais fico de boca aberta aprendendo com as amigas o que realmente precisamos ter ou não. Um abraço!!

  • Eliane Caetano

    Mariana: estah o maximo o seu blog!!!
    O meu maravilhoso pequeno estah com quase 3 anos. Acredite, passa muitooooo rapido, parece que foi ontem que ele nasceu!!!! A minha gravidez foi otima e me senti maravilhosa!!! He he he he
    Vou colocar mais um item a sua lista: roupas para maternidade!!!
    Como vc estah no 5o. mes eh o momento para comprar as roupas de maternidade para vc!!! Assim, vc podera experimentar e comprar o tamanho correto – dizem que apos o parto ficamos mais ou menos como se tivessemos no 5o. mes. Comigo deu certo!!!!!

  • Nina S Vieira

    Mariana querida, respire fundo, o principal é a gente não se extressar, veja mesmo as prioridades? por exemplo: o carro esporte não é tão ruim para os primeiros meses alias eu achei até mais seguro porque o banco ta frente da mais estabilidade para o bebe conforto. O lance do carrinho é complicado, o meu eu usava só qndo saia para passear na rua mesmo, porque eles preferiam ficar no bebê conforto quando saiamos para visitar alguem! O carrinho era usado mesmo como berço porque não tinha coragem de tira-los de lá quando estavam durmindo; o berço mesmo só usei a partir do 3° mês quando me senti segura que ele respirava e que ia sobreviver sem mim no quarto dele rssrsrsr (na verdade, se eu ia sobreviver sem ele!) Então não se estresse querida o mais importante é você curtir as compras mesmo e celebrar seu chá de bebê (ou de fralda, uma boa opção quando vc tem um pouco mais de condições de comprar o enchoval sozinha, é fazer chá de fralda porque Mariana querida…COMO VC GASTA EM FRALDA! Eu tive os 2 chás e o de fralda foi melhor! Ah… as pessoas tambem ficam mais tranquilas, como ér dificil escolher presente e adivinhar o gosto da pessoa é dificil, fralda não tem muito mistério… como vc disse o importante é CELEBRAR!!)
    Espero ter ajudado em algo princesas!!!
    bjinhos

  • Estou adorando seu blog…dou sempre uma passada!
    Bjs
    Flávia

    mães Online: http://www.maesonline.blogspot.com

  • Jackie Dalabona

    Mari, querida! Seu blog tá uma delícia, a sua cara! Parabéns. Olha bonita, passei por todas essas questões ( libriana tb sofre!) e tenho algumas indicações, se vc quiser. O berço comprei na Per Bambini, no Itaim, ótima qualidade e durou até os quase 4 anos qdo reformamos o quartinho – eles crescem rapidinho, a sua tb vai crescer pois o Cris é alto como a gente, rsrs. Mas o berço tá firme e forte e repassei prá minha cunhada. Carro não tem jeito, precisa caber o carrinho atrás e o cadeirão na frente. Sorry, vai ter que trocar. Cada cça é uma, como os pais, e vc vai descobrindo o que ela vai usar. Comprei aquela traquitana prá tirar leite – a Nat nunca usou pois meu leite era fraquinho e acabei tendo de complementar até os 7 meses, mas nesse período, segui dando o peito, o que foi ótimo! Histórias miseráveis o povo adora contar, tente não se contagiar e lembre: sua história e da sua princesa, será única!
    Beijos giga em vcs e qqr coisa que precisar me ligue :))

  • Clarinha

    Mari, apesar de não ter experiência nenhuma nesse ramo, sei o quanto é difícil essa fase. Na minha família já tiveram 3 grávidas e todas tiveram esses mesmos “problemas” que você. O importante é focar nas coisas que você realmente quer (eu sei que é um pouco difícil pq tudo de bebê é fofo demais e dá vontade de comprar tudo) e não se estressar. Tudo vai dar certo, curta bastante esse momento tão lindo pq passa rápido !
    Muitos beijinhos pra gravida mais linda e nessa princesa.

    Clarinha

  • Mari, tenta manter a calma! Eu fiz tudo devagarinho para não ficar morrendo e ansiedade, por exemplo, com o quarto montado muito antes! Mas é legal vc começar a ver sim. Os móveis que eu comprei demoraram 60 dias para chegar! Mas de resto dá pra fazer tudo com calma! Muitos detalhes do chá-de-bebê eu fechei uma semana antes, e sempre tem as amigas pra ajudar!
    Saúde pra você e a Laura!