Porque troquei a banheira convencional da Laura pela banheira ofurô.

Feliz e relaxada <3

Feliz e relaxada <3

O maior box que temos aqui em casa fica no banheiro da Laura. Nos outros a base da banheira tradicional não cabe. Isso sempre me fez pensar em quando eu tiver um segundo filhote, já que quando nascer não pretendo tirar a Laura do quarto dela e ceder ainda mais, ter ainda mais uma mudança com a chegada dele.

Cheguei a olhar outras bases, até que me lembrei que demorei para ter coragem de colocar a Laura na banheira “balde” (esse nome não é o ideal pois, apesar de parecer fisicamente com um balde, essa banheira foi desenvolvida especialmente para os bebês, com estrutura ergonômica correta, livre de BPA e etc). Eu havia ganhado da amoreca Astrid Fontenelle, que usou muito com o filhote Gabriel, mas demorei para usar por ser o tipo de mãe de primeira viagem apavorada com qualquer coisa que não fosse o mais tradicional. Quando passei a usar, amei. Hoje já sei que não importa que banheiro o “Segundinho” tome banho, a banheirinha ofurô cabe e é a melhor opção para ele.

Fui pesquisar mais sobre os benefícios do Ofurô e encontrei a mesma opinião por todos os lados, entre pediatras, doulas e outros especialistas: o ofurô oferece ao recém-nascido (e bebês de até 6 meses de idade) uma transição tranquila do útero para o mundo. Segundo especialistas, quando os pequenos entram em contato com a água na hora do banho, logo se lembram do meio aquático do útero, um lugar fechado, escuro, quente e seguro. Como o ofurô remete a essa sensação intrauterina, os banhos sãos mais tranquilos e acalmam os bebês. “Eles ficam em posição fetal, com pernas e braços encolhidos, submersos do pescoço para baixo e relaxam automaticamente”, revela Ana Cristina, parteira do Gama – Grupo de Apoio à Maternidade Ativa (fonte: Bebê Abril)

Papai criativo brincou com a Laura de "cabeleireiro de adulto" e ela gargalhava. Ele queria tirar o gel do  cabelo dela, mas não precisava dar banho de novo no mesmo dia, então criou essa "brincadeira". Mais uma função delícia pra BabyTub Ofurô.

Papai criativo brincou com a Laura de “cabeleireiro de adulto” e ela gargalhava. Ele queria tirar o gel do cabelo dela, mas não precisava dar banho de novo no mesmo dia, então criou essa “brincadeira”. Mais uma função delícia pra BabyTub Ofurô.

A querida Denise Gurgel, super especialista em Shantala, foi ao Mais Você e falou para Ana Maria Braga dos benefícios, assim como mostrou o banho de bebês dentro do ofurô. Os vídeos eu mostro abaixo:

 

Esse modelo do vídeo é o BabyTub clássico, o mesmo que ganhei da Astrid, e pode ser usado de 0 a 6 meses do bebê. Pensando na sequência dos benefícios (e também na diversão e segurança dos pequenos), a Baby Tub criou mais 2 modelos: a BabyTub Evolution (para bebês de 0 a 9 meses) e o BabyTub Ofurô, de 1 a 4 anos. O BabyTub Ofurô é o novo amor da Laura. Vocês não imaginam o quanto ela curte. O banho fica quentinho por cerca de 20 minutos e, pensando na atual situação que estamos com a falta de água, se tornou a opção perfeita, MUITO melhor do que deixar o chuveiro ligado (mesmo que desligando enquanto ensaboa). A economia de água é de, no mínimo, 20 litros por banho. Se comparar a um chuveiro de aquecimento a gás, a economia chega à até 30 litros por banho, considerando um banho de 10 minutos.

A Babytub Evolution surgiu justamente da experiência da empresa com várias mães, enfermeiras e vários comerciantes que tiveram contato com a Babytub clássica. Mesmo sendo usado com matéria prima certificada, sem toxidade, BPA Free, com uma estrutura reforçada e um tamanho propício para uso até 6 meses, no mínimo, a empresa foi muito prejudicada pela entrada de “baldes” sendo vendidos como banheirinha para bebês, sem nenhuma mudança na estrutura e sem nenhum critério. A BabyTub clássica tem uma patente que relata a parte interna do produto, para ter encaixe da coluna do bebê, para que não haja nada que possa forçar a coluna, ou que o bebe não possa encaixar e deslizar a coluna sem forçar a estrutura frágil dele. Além desses outros baldes serem produzidos com qualquer tipo de material, o tamanho dele, mesmo sendo vendido até 6 meses, é impossível que caiba um bebê dessa idade. Como banho de imersão esses baldes “não oficiais” podem até ajudar, mas os prejuízos, se for dado o banho sentadinho (como deve ser), caso force a coluna do bebe, somente serão vistos anos depois.

Foi aí que surgiu o projeto do Babytub Evolution: um novo projeto, com tudo de bom do Babytub clássico anterior (como, por exemplo, a patente da parte interna para encaixe da coluna do bebe), mas mudando tudo que atrapalhava ou que podia melhorar: aparência, design, aspecto de segurança, aspecto psicológico de segurança (por isso tem uma base adicional além da estrutura) e aumentando o ângulo de abertura. Um dos lados foi inclinado para que o manuseio e o tamanho da banheira ficasse maior para que assim ele possa ser usado pelo menos até 8 meses do bebê (embora praticamente todo mundo use até 9 meses). Eles mantiveram a matéria prima certificada e os pigmentos de cores sem toxidade, no maior nível de exigência do mundo FDA dos EUA. Isso tudo para, verdadeiramente, trazer um produto especial, próprio para este tipo de banho e atendendo o máximo para satisfazer os pais e o bebê.

Depois de muito ouvir de pais que os bebês cresciam, mas não queriam deixar o BabyTub, já que o banho ali era muito relaxante e muito prazeroso para o bebê, a empresa resolveu apostar em um outro projeto que fosse até 4 anos de idade: uma banheira Ofurô de verdade, com tudo que é necessário para um banho especial, divertido, seguro, com design inovador e que coubesse nos banheiros da maioria dos apartamentos no Brasil. Um Ofurô que fosse feito com material especial, sem toxidade, BPA Free, e que a água pudesse escorrer por baixo, que a tampa fosse fácil de abrir e fechar, sem rosca, apenas por encaixe de pressão, que tivesse um assento ergonômico especial para a criança não escorregar e que a água verdadeiramente fosse até os ombros das crianças sem escoar ou derramar. Para que o banho de Ofuro fosse de verdade, um benefício e uma diversão: assim surgiu a Babytub Ofurô.

O interior do BabyTub Ofurô com a tampa

O interior do nosso BabyTub Ofurô, com tampa por encaixe de pressão (que faz a água escorrer por baixo do Ofurô, sem ter que virar tudo para despejar o conteúdo) e o assento ergonômico especial para a criança não escorregar.

Os três modelos :)

Os três modelos 🙂

No dia que lancei esse novo layout do blog, fiz um Chá da Tarde em homenagem ao Dia das Mães e o Milton, da BabyTub nos presenteou com uma apresentação muito bacana do produto. Inclusive a filha linda dele (ele tem um casal de gêmeos) tomou um banho ali na frente de todo mundo toda feliz e contente <3 Não houve quem não tivesse ficado apaixonada pelo produto, de verdade.

Aliás, vejam que lindo esse vídeo com os gêmeos dele vendo o Ofurô pela primeira vez hahaha

Para saber mais sobre a BabyTub, acesse o site oficial da empresa. Você encontra os 3 modelos de BabyTub para comprar nesse link aqui. No site oficial deles também há outros lugares onde encontrar essas maravilhas.

Uma vez que vocês virem a alegria e tranquilidade dos pequenos, vocês não vão querer outra coisa. Aqui em casa foi – e está sendo – assim. <3

Beijokas!

P.S.- Esse post não é um publieditorial, é apenas um relato feito baseado na minha experiência, somado ao que aprendi conversando com o Milton. #transparência

Comente!

  • Adorei, Mari! O Ben também usa ofurô. Quando comprei achei que era conversa da vendedora de que daria pra usar até os 4 anos de idade… E não é que dá? Ele se diverte (porque no apartamento não temos banheira) e ainda economiza água. Perfeito!!! A Laura tá cada dia mais linda e o Cris arrasou nesse mini salão de beleza em casa! Heheheheh

  • Rosemary Henriques

    Adorei, Mari!! Será q ainda vale a pena eu comprar o meu filho está com 3 anos e 4 meses???